O uso de agregado de resíduo de concreto (ARC) para produção de novos concretos é uma solução viável para redução dos impactos ambientais dos materiais de construção. Portanto, a compreensão do comportamento mecânico e dos mecanismos de ruptura do concreto de ARC e de sua influência no desempenho estrutural de elementos de concreto armado é essencial para promover o uso desses materiais sustentáveis em aplicações estruturais. Este artigo apresenta os resultados experimentais da investigação da influência do uso de ARCs em vigas de concreto armado submetidas a cargas de flexão. Particularmente, duas misturas de concreto reciclado e duas misturas de concreto de referência foram dosadas para obtenção de resistência à compressão aos 28 dias de 25 e 65 MPa, através do Modelo de Empacotamento Compressível (MEC). As misturas de referência foram realizadas empregando apenas agregados naturais (0% ARC), enquanto que os concretos reciclados correspondentes foram produzidos com 50% de agregados graúdos de ARC (na mesma faixa granulométrica do agregado natural). O comportamento mecânico destas misturas de concreto foi caracterizado através de ensaios de resistência à compressão e resistência à tração por compressão diametral. O comportamento estrutural foi investigado através da realização de ensaios de flexão em vigas de concreto armado. Os resultados mostraram que, tanto para os concretos de resistência normal como para os concretos de alto desempenho, o uso de ARCs não afeta as propriedades mecânicas e o desempenho estrutural dos elementos estudados.

COMPORTAMENTO À FLEXÃO DE VIGAS DE CONCRETO RECICLADO DE RESISTÊNCIA NORMAL E ALTO DESEMPENHO CONTENDO AGREGADO DE RESÍDUO DE CONCRETO

MARCO PEPE;ENZO MARTINELLI;
2018

Abstract

O uso de agregado de resíduo de concreto (ARC) para produção de novos concretos é uma solução viável para redução dos impactos ambientais dos materiais de construção. Portanto, a compreensão do comportamento mecânico e dos mecanismos de ruptura do concreto de ARC e de sua influência no desempenho estrutural de elementos de concreto armado é essencial para promover o uso desses materiais sustentáveis em aplicações estruturais. Este artigo apresenta os resultados experimentais da investigação da influência do uso de ARCs em vigas de concreto armado submetidas a cargas de flexão. Particularmente, duas misturas de concreto reciclado e duas misturas de concreto de referência foram dosadas para obtenção de resistência à compressão aos 28 dias de 25 e 65 MPa, através do Modelo de Empacotamento Compressível (MEC). As misturas de referência foram realizadas empregando apenas agregados naturais (0% ARC), enquanto que os concretos reciclados correspondentes foram produzidos com 50% de agregados graúdos de ARC (na mesma faixa granulométrica do agregado natural). O comportamento mecânico destas misturas de concreto foi caracterizado através de ensaios de resistência à compressão e resistência à tração por compressão diametral. O comportamento estrutural foi investigado através da realização de ensaios de flexão em vigas de concreto armado. Os resultados mostraram que, tanto para os concretos de resistência normal como para os concretos de alto desempenho, o uso de ARCs não afeta as propriedades mecânicas e o desempenho estrutural dos elementos estudados.
978-989-98949-9-0
File in questo prodotto:
Non ci sono file associati a questo prodotto.

I documenti in IRIS sono protetti da copyright e tutti i diritti sono riservati, salvo diversa indicazione.

Utilizza questo identificativo per citare o creare un link a questo documento: http://hdl.handle.net/11386/4704244
 Attenzione

Attenzione! I dati visualizzati non sono stati sottoposti a validazione da parte dell'ateneo

Citazioni
  • ???jsp.display-item.citation.pmc??? ND
  • Scopus ND
  • ???jsp.display-item.citation.isi??? ND
social impact